Isso nem tem sentido

Há uma sabotagem nos meus planos. A saudade.

Olhe para frente todos os dias. Jamais pense no passado. Arrume seus dias para que não haja espaço para chorar. Relembre a cada minuto: era necessário. Não sofra, não vale a pena sofrer.

E no meio de tudo isso… Veja seu quase sorriso no espelho, experimente cada quase bom momento. Porque eu posso mesmo querer muito, tentar muito, fingir muito, mas o que manda de verdade não sou eu. É só tempo que vai me ajudar a viver isso de uma nova maneira.

Eu me recuso a mudar! Eu me recuso a me deixar ser alguém que eu não sou porque as coisas deram errado. Eu me recuso a me colocar na frente de tudo e de todos, eu me recuso a pensar em mim em primeiro lugar, eu me recuso a deixar de acreditar na felicidade multiplicada quando compartilhada. Isso é o melhor de mim, meu maior tesouro. Se todas as vezes eu me entregar assim e todas as vezes sofrer assim… Que se foda. Valeu a pena cada segundo!

Então é, dê uma olhada em mim. Tudo parece bem, pareço recuperada. Eu pareço outra pessoa. Mas aqui dentro as coisas continuam quase na mesma (quase porque eu pelo menos tenho uma decisão agora). Eu continuo com saudades de tudo, de cada aspecto mais irrelevante. A diferença é que eu não tenho mais crises, eu não perco mais o controle, e até que isso veio a calhar…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s