Santo remédio

Porque eu só espero que a tempestade caia, com toda a sua fúria

Quero que toda essa água seja capaz de lavar a minha alma,

já que as minhas lágrimas não conseguiram…

Se não for possível, quero que forme uma cortina bem densa,

que não me deixe ver meus erros.

Quero que ela seja uma desculpa para eu me esconder,

mas sem que ninguém saiba, eu não quero estar abrigada.

Porque eu sei que preciso, muito, me molhar.

By:. Viih Loyer

Anúncios

2 comentários

  1. Vinicius Cortez · janeiro 12, 2011

    Dia infeliz pra lançar um poema sobre chuva, não?
    (não que ele seja ruim!…)

    • viihloyer · janeiro 12, 2011

      muito …=/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s